Por trás da notícia: Colômbia

Fui pra Colômbia para uma viagem a passeio e, como sempre faço, pesquisei sobre o que existia por lá em termos de atendimento / recursos para pessoas com diabetes. 

Nessa busca, descobri a Associação Colombiana de Díabetes (ACD), que já foi reconhecida pela International Diabetes Federation como um dos centros de excelência para o tratamento do diabetes no mundo. 

Na época (agosto/2018) tinham cerca de 70.000 associados e 5.000 em atendimentos com endocrinologistas, nutricionistas, oftalmologistas, psicólogos e nos programas específicos de educação em diabetes. 

Quer saber como a história continuou? Conto mais no nosso site. Foi uma experiência incrível que divido com vocês na coluna sobre os bastidores das nossas reportagens.

Antes de viajar entrei em contato com a Associação me apresentando como jornalista da Revista EmDiabetes e solicitando uma visita para conhecê-los. Fui prontamente respondida e chegando na Colômbia já estava ansiosa pelo dia de conhecer a ACD. 

Tive a oportunidade de passar um dia inteiro lá com eles, conhecer as salas de atendimentos, alguns dos profissionais e especialistas médicos que fazem os atendimentos e saber mais da história da associação.

Por ter passado o dia por lá, acabei me envolvendo em algumas atividades e, entre uma visita e outra de pacientes, pude inclusive ajudar com informações importantes relacionadas à viagens e embarques em aeroportos levando insumos para o diabetes de forma correta. 

Foi gratificante conhecer o trabalho de dedicação de tantos profissionais para quem, as vezes, não entende o básico como o funcionamento dos glicosímetros ou sobre os direitos das pessoas com diabetes no país.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *